Fórum Adventista

Não se opor ao erro é aprová-lo, não defender a verdade é suprimi-la !
 
InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Obras da lei, Corrigindo o Erro!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
israel.fontoura



Mensagens : 4
Data de inscrição : 17/09/2011

MensagemAssunto: Obras da lei, Corrigindo o Erro!   17/9/2011, 9:41 pm

Durante séculos, o Cristianismo tem alegado que quando Paulo se refere às obras da Lei, está falando do cumprimento da Lei do Eterno. E, segundo o Cristianismo, quem vivesse na graça não deveria procurar obedecer às Leis de O Eterno.

Contudo, uma vez que pesquisamos o contexto judaico do que foi dito, vemos que o termo “obras da Lei”, no hebraico “Ma'assei HaTorá” se refere à prática rabínica de transformar um costume/hábito de grandes rabinos em mandamentos.

Ou seja, “obras da Lei” (“Ma'assei HaTorá”) refere-se à crença de que podemos ser justificados imitando os hábitos de “pessoas santas.” Enfim, nada tem a ver com cumprimento de mandamentos de YHWH.


O termo aparece frequentemente no Talmud, porém alguns cristãos alegavam que, como o Talmud é posterior, não havia comprovação de que na época de Yeshua o termo “obras da Lei” já fosse um termo conhecido em Israel, e referido a atos rabínicos para justificação por obras, conforme afirmamos.

E por isso alega o Cristianismo que “obras da Lei” teria sido entendido como obedecer aos mandamentos de YHWH.

Porém, uma descoberta arqueológica nas cavernas de Qum'ran colocou totalmente por terra esta falsa premissa do Cristianismo.


Um dos fragmentos do Mar Morto diz:


"Agora escrevemos a vocês algumas das OBRAS DA LEI, aquelas que determinamos que fossem ser benéficas a vocês...
E deverão ser reconhecidas por vocês como justiça, em que vocês têm feito o que é correto e bom perante Ele...”
(4QMMT (4Q394-399) Seção C linhas 26b-31)


Aqui vemos os oponentes de Sha'ul [Paulo] saindo das páginas do chamado “Novo Testamento” e se materializando como figuras históricas: aqueles que criam que costumes e leis humanas poderiam nos justificar perante YHWH.

O texto de Qum'ran é uma prova claríssima de que a expressão “obras da Lei” já era um termo técnico teológico conhecido e explorado muito antes da vinda do Messias! E vemos também pelo texto uma alusão a tradições, e não aos mandamentos de YHWH – contrariando totalmente a teologia e as alegações cristãs.

Grupos como o descrito no fragmento de Qum’ran exposto acima não só tentavam se justificar perante YHWH por obras e costumes, como ainda transformavam tais costumes em leis, contrariando o que Eterno determinara. Os “Ma'asei HaTorá” são a base para as takanot, isto é, “emendas à Torah” feitas pelos rabinos.

A autora judia Tracey Rich, em seu livro “Judaism 101” (isto é, “O ABC do Judaísmo") admite na seção em que descreve a lei judaica:

"A Halachá também inclui leis que não se derivam das mitsvot [mandamentos] da Torá... Uma takaná [emenda rabínica], assim como uma guezeirá [lei de cerca], é tão vigente quanto uma mitsvá da Torá.”


Vemos claramente que, ao contrário da absurda alegação cristã tradicional, Paulo não falou contra a observância das Leis de O Eterno, mas sim com uma prática que há muito já afastava o povo dos caminhos de YHWH – prática essa que também foi condenada pelo próprio Messias Yeshua. Pelos achados de Qum'ran, e pelo que conhecemos do Talmud, vemos que a origem da heresia das “obras da Lei” remonta aos tempos do Tanach (Primeiro Testamento), nada tendo a ver com uma suposta “abolição” dos mandamentos de YHWH.

Talvez sejam justamente os das “obras da Lei” (“Ma'assei HaTorá”) que se refira o profeta Yeshayahu (Isaías), quando afirma:

“Assim, pois, a Palavra de YHWH lhes será mandamento sobre mandamento, mandamento sobre mandamento, regra sobre regra, regra sobre regra, um pouco aqui, um pouco ali; para que vão, e caiam para trás, e se quebrantem e se enlacem, e sejam presos.” (Yeshayahu/Isaías 28:13)


Yeshayahu (Isaías) já profetizava que a Torah (Mandamentos de YHWH) seria distorcida pelas “regras sobre regras” criadas pelos rabinos – pelos que confiavam nas “obras da Lei.” Paulo estava plenamente alinhado com os profetas, os quais defendiam a Torah. Infelizmente, Roma mais uma vez distorceu tudo, e suas filhas a acompanharam...

Encerro deixando para reflexão esta frase:

“O que poderia haver de errado com a Lei do Eterno para que Ele pudesse querer destruí-la?”

Uma passagem bíblica que resume tudo:

"A Torah de YHWH é perfeita, e refrigera a alma.” (Sl. 19:7a)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Obras da lei, Corrigindo o Erro!
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» As mentes das pessoas podem ter sido induzidas ao erro???
» A fé sem obras é morta
» O que é erro 324?
» MELHORAI: VOSSOS CAMINHOS E VOSSAS OBRAS. Jr.7. 1-15.
» Erro cometido numa aproximação

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Fórum Adventista :: Teologia :: Acervo Teológico Adventista :: Textos-
Ir para: